Jornalista Ricardo Boechat morre em queda de helicóptero

O jornalista Ricardo Boechat, âncora do Jornal da Band, morreu na queda do helicóptero que caiu, na manhã desta segunda-feira (11), em São Paulo. A informação foi confirmada pelo governo do estado e pelo grupo Bandeirantes.

 A aeronave  caiu em cima de um caminhão no quilômetro 22 da Rodovia Anhanguera, no início da tarde, e acabou explodindo. Os corpos de Boechat e de um segundo ocupante, ainda não identificado, ficaram carbonizados. O motorista do caminhão sobreviveu.
Mais cedo, a queda do helicóptero havia sido noticiada pelo próprio portal de notícias da Band, ainda sem identificar que o jornalista se encontrava entre os mortos.

“Duas pessoas morreram após a queda de um helicóptero em cima de um caminhão no km 22 da Rodovia Anhanguera, sentido interior, com o Rodoanel”, noticiou o portal, atribuindo a informação à BandNews FM, que chegou a ouvir o motorista do caminhão. “Eu diria que hoje nasci de novo”, declarou ele.

Boechat tinha 66 anos. Além de comandar o Jornal da Band, era âncora da BandNews FM e tinha uma coluna semanal na revista IstoÉ.

A morte do jornalista repercutiu imediatamente no Twitter. “Boechat” é “Band” são os dois assuntos mais comentado na rede social neste início de tarde. Os internautas também estão postando a hashtag “Cancela 2019”, em alusão à quantidade de tragédias ocorridas neste início de ano.

Fonte: Revista Fórum. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *